sábado, 27 de novembro de 2010

E por falar em cotonetes...

Ontem eu lembrei de como a gente tá gastando cotonetes, mas esqueci de falar o tanto que eu AMO limpar cada dobrinha e buraquinho do Aurora. Desde a troca de fraldas perfeita até a retirada total de melequinhas do nariz. Às vezes eu acho que exagero, a Lola começa a chorar, mas eu não páro enquanto não estiver tudo livre de sujinhos. Mentira, se ela reclamar muito eu até páro, mas insisto um pouco antes, porque.. ora, não vou tentar enganá-los, leitores. O fato é que eu sou louca, maníaca, e desde sempre AMO limpar minhas unhas, tirar cravos e estourar pus (escatológico, porém real). E agora eu ganhei um saquinho de acúmulo de sujinhos!! Aurora tem casquinha atrás da orelha (ai, delícia, até deu água na boca) - que eu limpo enquanto ela mama-, unha sempre suja, -que eu limpo assim que ela dorme-,  nariz melequento - que eu limpo de manhã, de tarde e de  noite, depois de pingar soro-, dobrinhas no pescoço e dedinhos das mãos e dos pés que adoram acumular fiapos de algodão das fraldas... É um parque de diversões completo!!!
E já que entramos, ou melhor, já que eu os forcei a ler esse assunto, coloquei no álbum de fotos ("2 meses", aí à direita) um videozinho caseiro da Aurora fazendo um cocozinho. São três momentos, quando ela faz careta e bota a língua no meio dos lábios. Arthur e eu não nos aguentamos quando ela faz isso. Tudo que ela faz é lindo, é divertido, é o máximo! =D

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Novamente mulher, sempre mãe

Eu, diferentemente de várias mulheres, já menstruei. Tem gente que fica 6 meses ou mais sem, e isso depois dos 9 meses (mas também tem gente que tem sangramento na gravidez e jura que é menstruação e só vai descobrir quando tá de 4 meses e alguém sugere "Será que você não tá grávida?").
Eu fiquei feliz demais em constatar que tinha sangue saindo de mim! Andava querendo que isso acontecesse logo, até porque estava com saudade de usar meu coletor menstrual. De certa forma, essa coisa do fluxo tem muito a ver com a feminilidade - eu sempre tenho que pensar pra não falar feminiNIdade (tá bem, eu confesso, eu olhei no Houaiss!!) -, com todo "sentir-se mulher". Nessa fase de mãe em tempo integral a gente acaba se esquecendo que também é mulher. Quando eu estava grávida eu estava sempre linda, por causa da barriga, mas agora ficar Aurora no colo não me torna bonita se eu estiver desmazelada. Saindo do banho hoje já senti mais vontade de me cuidar, de perder os 4kg que estão sobrando...
Cheguei a comentar com o pediatra sobre essa coisa do corpo e falei que queria ter o corpo de antes, ao que ele me corrigiu muito sabiamente dizendo que isso eu  não vou ter, mas que eu vou ficar melhor do que antes, porque agora eu sou uma mulher, uma mãe e isso me torna mais bela, mais desejável, mais segura. Eu já disse que adoro nosso pediatra?


Agora, mudando completamente de assunto, mas só pra eu não esquecer de falar: tô achando que a Aurora anda comendo cotonetes. Não pode que a gente já tá na terceira caixa!! (Em compensação, o sabonete ainda é o mesmo desde o primeiro banho em casa... rs)


Aurora tomou vacina e ficou bem tristonha. Quis muito colo e eu dei até que ela dormisse profundamente. Mas acho que ela não vai ter febre. Eu nunca tive reação adversa com vacina (pelo que me lembro), então ela vai me puxar nisso. Tomara! Mas apertou meu coração ao ver a carinha dela sentindo dor na perninha... E, ao mesmo tempo, me senti muito amada por ter a capacidade de ter um colo capaz de confortá-la e fazê-la parar de chorar. =)


Nossa pequena flamenguista

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

2 meses da coisa mais gostosa do mundo!

Ao som de Zé Ramalho acabei de dar um banho de balde na minha sorridente filhota de 4,445 quilos! Aurora ganhou quase 800 gramas em 18 dias! Viva o leite materno!! E, pra completar, estamos com 57 centímetros! Gigante!
Esses últimos dias têm sido muito prazerosos. Eu nem acredito que passei por momentos tão difíceis no começo... Amamentar agora é uma delícia, principalmente quando ela acorda depois de uma loonga soneca, cheia de fome, e fica desesperada procurando meu peito enquanto eu a posiciono pra mamar, e depois fica sugando com vontade. A gente se sente bem importante! A gente vira comida, e comida é tudo de bom! =)
É claro que ainda existem uns momentos que dá muita vontade de morar em Perdões ou Campo Belo, com um monte de parente pra ajudar a gente, tipo quando eu quero fazer xixi. É incrível quanto tempo a gente consegue segurar o xixi!! Às vezes acordo de noite pra amamentar e pelo desespero da Lola não dá tempo de ir ao banheiro. Nuooossa, parece que vai sair tudo! Eu até rebolo devagarinho na cadeira, doida pra ela acabar, arrotar e deitar de novo. Mas tipo o número 2 quase nunca tem como segurar... Semana passada eu tive que deixar a Aurora no berço choramingando, porque TINHA que ir! Fiquei meio triste com isso.
Passei uns dois dias bem deprê, pensando na vida, pensando em tudo que me falta agora apesar de ter a coisa mais linda do mundo comigo. Meus dias são felizes, mas são incompletos, são sozinhos, são meio sem propósito. Tá, o momento agora é de ser mãe, mas e depois? Vai ter faculdade ou não vai dar? Eu vou trabalhar? Quando é que a gente vai mudar do Rio? São perguntas que eu imagino que o Nego também se faça, mas ele nem comenta... Só de vez em quando que pergunta coisas tipo "Você gostaria de morar no Canadá?" Sonhos... Sonhos... É deles que a gente tem que viver, né? Ter um bebê muda muita coisa na vida da gente, principalmente na velocidade que as coisas acontecem. O tempo começa a passar muito rápido e eu sei que muita gente deixa de fazer muita coisa, porque simplesmente É complicado criar bebês, crianças, adolescentes... Mas eu espero que o Arthur e eu consigamos concretizar parte dos nossos sonhos, enquanto a gente dá tudo de melhor pra Lola (e pros próximos... hehehe)


Uma coisa eu já sabia que ia acontecer: as novidades! Cada dia Aurora faz mais coisinhas e mais a gente baba. Agora ela já sorri muito! Principalmente de manhã, quando está feliz e descansada. Mais ou menos nesse horário, entre sorrisos e caretinhas, ela faz um super cocô e fica toda satisfeita. Ela está um reloginho, faz 3 cocôs por dia, sempre nas mesmas horas (mais ou menos, mas é bem regradinha). Aí eu já tento colocar as fraldas mais poderosas pra conter o jato amarelo-abóbora dela. Com o aumento de peso quase todas as fraldas estão servindo bem e ficando ajustadas nas perninhas.
Ela também sorri quando recebe visitas e sorriu muuuito pro Vovô Alfonso - todo babão - que deu as roupinhas mais lindas pra ela. Ele ia mostrando pra ela e a safadinha consumista se deliciava! rs
Ah, ela também sorri quando eu a coloco de frente pro espelho!!! O Dr. Nicim falou que ela ainda não tem noção de que ela seja ela, mas é fato que ela se sorri. Deve pensar "Que menininha bonitinha!!" rs
Pensando bem, ela sorri o dia inteiro! Sorri na hora do banho quando eu a chamo de peixinho, sorri pra quase toda gracinha que a gente faz, sorri quando está mamando... Me dá uma super satisfação de ver que minha filhinha é feliz aqui com a gente.
Lola ganhou um presente da Tia Fefê que é de colocar na beirada do berço e tem um espelho e uns chocalhinhos. E ela já está ineragindo, esticando o bracinhos pra fazer barulho e rindo bastante! Às vezes até gargalha!
video


Outra novidade é que agora, infelizmente, ela tem lágrimas quando chora... Parte mais ainda o coração!
E os cabelinhos andam caindo... Ai, tomara que ela não fique careca! (Trauma meu de infância...)


Tudo tem sido tão intenso que acho que que fez minha imunidade baixar. Minha herpes labial atacou e eu peguei um resfriado. Aurora também andou meio encatarrada, mas estou pingando soro com mais frequencia e os anticorpos ela está recebendo no pacote-alimentação.
Tenho fé que ela vai começar a dormir cada vez mais horas de noite. Essa noite ela acordou às 23:00, às 3:30 e às 6:00. Consegui descansar beeem e aí acordei super de bom humor.
Estou conseguindo estudar quando ela dorme. Se for no berço, melhor, se for no colo, eu me viro pra segurar o caderno. Também estou conseguindo tirar um pouco de leite todo dia, pra estocar pro dia do concurso. Enfim, tudo tá dando tempo. Só falta um pouco mais de grana pra colocar a faxineira mais vezes no mês. Todo mundo tá falando que eu preciso, e eu preciso mesmo, mas tem que ter dinheiro...


Entre a leitura de uma lei chata e outra, veio uma inspiração que virou poesia e depois música pra Lola, sobre ela, eu e o sling:


Aurora é uma menininha 
com cara de lua
e todinha banguela.
A mãe da Aurora enrola
a menina em panos
e vai passear.
Por onde a pequenina passa
todo mundo pára
e olha pra ela.

Mamãe-canguru vaidosa
fica orgulhosa
da sua filhota.
Essa é a menininha Aurora,
sorriso sem dentes,
cara de bolota!

Eu queria poder me lembrar de tudo que tenho pra contar, mas não está dando tempo. Mas, no mais, por hora é isso!

Desmanchada no colo do papai